terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Ensaio sobre a Cegueira

Este cartoon foi recebido por email.
Confesso que as minhas suposições, relativamente a esta coisa dos "bancos" e das estranhas teias que se tecem sem que ninguém veja, não são muito positivas. Acho, sinceramente, que 2009 ainda nos vai trazer muitas surpresas. (Ou não?)
Há dias comentei que "isto é só a ponta do iceberg", referindo-me ao Capitalismo. Agora tenho a certeza: nós vamos ter grande contestação. E desta vez não vai ser algo ténue, rápido, residual. Vai ser "em grande", vai ser brutal, vai ser profundo. Porque nunca, como agora, se assistiu a tamanho ataque aos trabalhadores, suas famílias, e seus direitos. Há sempre um momento em que nos fartamos de ser enganados. Em que dizemos "Basta". E, se fôr preciso, damos um murro na mesa!
O sistema é como um balão de ar: vai encher, encher, encher, até que um dia... rebenta!

7 comentários:

Lúcia disse...

Que rebente depressa, Sal. É urgente!
Beijinhos

samuel disse...

Que seja com estrondo!

Utopia das Palavras disse...

É o que todos aguardamos... porque fazemos para que tal aconteça.
Ontem já era muita tarde!

Beijo

Fernando Samuel disse...

E se dermos uma ajudinha, rebenta ainda mais depressa...


Um beijo.

duarte disse...

rebento?não rebento?...pronto rebento com ele!
duarte com um alfinete na mão

Antuã disse...

acabemos com ele.

Maria disse...

Disseram-me um dia destes que eu tenho uns pulmões muito fortes.
Vou ajudar a soprar, para rebentar mais depressa...

Beijinho