sábado, 17 de outubro de 2009

Música para o Fim-de-Semana

Estou de regresso ao meu mar sem sal...
O trabalho, uma campanha eleitoral, uma cadela operada de emergência, umas quantas noites (quase) sem dormir e uma criança que fez anos...
E agora um momento para sofrer com a morte de Liú, na ópera "Turandot", de Puccini, talvez a minha ópera preferida, ouvida até à exaustão nesta versão fantástica de 1998, na Cidade proibida, em Pequim, naquele que é agora o "Palácio da Cultura e do Povo".

Neste excerto, que de tão breve (10m.) deixará os visitantes com "água na boca" para ver toda a ópera (assim espero), assistimos à ária final da Liú, a fiel criada do rei Timur, rei deposto, pai de Calaf.
Calaf é o herói que desafia a morte, querendo responder aos três enigmas propostos pela fria princesa Turandot, que mandava decapitar cada homem de sangue real que não acertava nas respostas.
Mas ele acerta, e face à resistência da princesa em se entregar, propõe-lhe ele mesmo um enigma: que ela descobrisse o seu nome, e de madrugada ele morreria se tal acontecesse, e ela quisesse.
Assim, após este desafio, a princesa manda que ninguém durma em Pequim naquela noite até que se descubra o nome do estrangeiro (é quando Calaf canta a famosa ária "Nessum Dorma" - ninguém durma). Entretanto, os soldados descobrem Timur e Liú, e tentam arrancar o nome do príncipe através da tortura, mas Liú adianta-se e diz só ela possuir o nome dele, tentando assim salvar o pai do seu amado Calaf. Porém, não resistindo, acaba por falar com a princesa, dizendo-lhe que vai fechar os olhos para que Calaf possa vencer, e que também ela amará o príncipe. Fechará os seus olhos para não mais o vêr.. ("per non vederlo piú")
E suicida-se na presença da princesa...

"Tu, che di gel sei cinta", que se poderá traduzir mais ou menos por "tu que estás rodeada de gelo", é uma das grandes árias operáticas, das mais difíceis, das mais arrebatadoras... E a soprano Barbara Frittoli interpreta-a de uma maneira sublime, aqui com a orquestra dirigida por Zubin Mehta, nesta produção fantástica.


A boa notícia é que quem conseguiu ler o post até aqui é porque já está preparado para ouvir uma ópera inteira!!!

Bom fim de semana.


13 comentários:

linhadovouga disse...

Que bom que estás de volta... e que bela escolha para recomeçar, talvez a mais magnífica de todas as óperas. Essa Frittoli é fantástica. E gira!

Sal disse...

E tu ouves com os olhos, é??

Maria disse...

Foi dia 7, não foi? (fui ver a Outubro do ano passado... :) ). Um beijo à M.
Agora vou ficar por aqui a ouvir a ária de Turandot.

E lentamente vamos regressando à net...

Beijos aí

Maria disse...

Por tua 'culpa' estou a ouvEr os outros videos... Neste momento Pavarotti e Nessum Dorma. Que bela noite vou ter.
Obrigada, Sal!

Beijinhos

Fernando Samuel disse...

Que BELO regresso!...

Um beijo.

Jota disse...

É sublime! Vi na integra no canal Mezzo, há já algum tempo.

bloquista anónimo disse...

Entao tanta campanha e nem uma analisezinha.. Os resultados foram maus? Nao acredito! tendo em conta que Vexa e do pcp deve ter ganho com certeza.

Sal disse...

Ó bloquista anónimo, não teve tempo para ouvir a ópera, ou não tem craveira intelectual para esta?
É que, caso não tenha reparado, este post é sobre música.
Se quer análises vá à casa de saúde de S. mateus.
Já agora, e para que o bloquista anónimo fique informado (já que tanto quer) digo-lhe o seguinte: no distrito de Viseu a CDU subiu 28% em todo o ciclo eleitoral, nas três eleições, e nestas últimas viu subir o número de mandatos de 25 para 41 em todo o distrito. Então e o Bloco? Ah, pois é. Nem sequer apresentou listas na maioria dos concelhos!!! E câmaras a nível nacional? Tem 1! Fantástico!
Chatice, pá!
É que vocês bloquistas anónimos não fazem contas antes de mandar bocas.

Cumprimentos à VTV

Justine disse...

Pois então a seguir vou mesmo ouvir a ópera todinha:))
Bjinhos aos 3!

Lúcia disse...

Li o post até ao fim... 2 vezes!
Obrigado:) E vou ouvir mais tarde com umas colunas de som à altura, que estas são uma desgraça!
Um grande beijinho, Sal. Lutar, em Viseu, é sempre digno. Faltam 4 anos:))

Renata Seixas disse...

O DIA D PARA A MÚSICA BRASILEIRA.

A PEC da Música irá à votação no dia 21, quarta feira, às 14h na Câmara dos Deputados e sua participação é decisiva!

A presença dos músicos, artistas, produtores e outros interessados no tema é fundamental para pressionar os deputados a votarem a favor da PEC. Haverá estrutura para recebê-los e todos estão convidados!

Precisamos de 308 votos (de um total de 513). Contate os deputados do seu estado e peça que votem a favor. Divulgue a proposta em suas redes de relacionamento, blogs, e-mails etc. Esta é a hora de pressionarmos.

Dúvidas: Gabinete do Deputado Otavio Leite (autor da proposta)
Em Brasília: (61) 3215-5437
No Rio de Janeiro: (21) 3388-6240
E-mail: tatiana@otavioleite.com.br / gabinete@otavioleite.com.br
Saiba mais: http://www.otavioleite.com.br/pesquisa.asp?q=pec+da+musica

duarte disse...

não posso ouvir...uma chatiçe. amanhã no happy-hour. quanto à história fiquei curioso, vou ter de ler mais um pouquito.
Por aqui tb correu bem. esta junta não metia ninguem da cdu faz 21 anos. e agora cá estou eu, mais 2 na assembleia municipal.
custou , mais foi.
estamos a crescer, e o resto é conversa.
abraço do vale.
amanhã volto para ouvir.

Antonio Lains Galamba disse...

fabuloso!
obrigado

beijos