sábado, 30 de agosto de 2008

Tugolândia's Crime

Encontrei uma excelente reflexão acerca do aumento da criminalidade. Redigida pela mão do Samuel, poderão encontrá-la (a reflexão, não a mão) no seu blogue, O Cantigueiro.
Efectivamente, a meu vêr, são precisamente estas três ideias que me ocorrem, emanadas dos últimos acontecimentos (e não me refiro só aos crimes, refiro-me à esquizofrenia dos mass media em torno deste tema):
1-a criminalidade aumenta em épocas de maior crise, a História assim o indica, e é isso que está a acontecer. (Não é de espantar: a miséria aumenta, a fome aumenta, logo, o desespero aumenta. Se estivéssemos nas mesmas condições de alguns destes desgraçados, sem pão para dar aos filhos, talvez não tivéssemos a mesma perspectiva que temos neste momento, já jantados, bem instalados, e com um computador à frente);
2-a provocar esta crise está todo um sistema neo-liberal implantado quer no plano nacional, devido às políticas de direita de Sócrates, quer no plano internacional, com a especulação em torno dos combustíveis a provocar o caos planetário, guerras estratégicamente criadas por causa de eleições nos EUA, crise dos cereais, etc, etc;
3- em Portugal, tal como tem acontecido noutros países, está a ser feito um aproveitamento político evidente: para o cidadão ter a necessidade de louvar as medidas de segurança, tem de existir, primeiro, o sentimento de insegurança, e é precisamente isso que estão a conseguir criar no seio da sociedade portuguesa.

Lembro-me muitas vezes da questão das armas, na América, e do excelente documentário de Michael Moore, "Bowling for Columbine", onde a dada altura ele consegue demonstrar que o povo nos EUA vive aterrorizado, comprando compulsivamente armas para se defender, por contraste com os vizinhos canadianos. De cada vez que o Bush desce nas sondagens, lá apanham um video do Bin Laden para passar em horário nobre, principalmente nos EUA e na Europa.
Quantos de nós não vimos aumentados os nossos seguros, do automóvel ou da casa, com direito a uma cartinha enviada pela seguradora, depois dos ataques terroristas às torres gémeas do World Trade Center...

Em suma, o terrorismo foi um bom argumento para criar toda uma série de "sistemas de segurança", que permitem saber demais sobre a vida das pessoas... Tal como agora o são os assalto em Alcabideche, Campolide, Loulé, Boliqueime, Famalicão, etc, etc..., que permitirão a este Governo, com uma ajudinha da imprensa, demonstrar aos portugueses com é "útil" ao país, como está a governar bem, a proteger as pessoas, e, já agora, "votem lá outra vez em nós e esqueçam que fomos nós, com o nosso novo Código do Trabalho, com os nossos cortes na Saúde e Educação, com a nossa corrupção, com o nosso apoio incondicional ao grande capital... que fizémos com que vocês chegassem a essa situação"...

8 comentários:

Lúcia disse...

Bravo Sal!
Embora tenha dúvidas sobre a eficácia de - isto tá mau mas nós vamos compor. É arriscado e estúpido. Mas...

Beijinhos

linhadovouga disse...

Excelente. Tinhas isto programado ou foi mesmo agora, depois de adormeceres a M?
Beijos muitos

samuel disse...

Obrigado pela referência...
Infelizmente, há ainda os grupos de jovens ou menos jovens, que mesmo não estando na situação de não ter o que comer, foram arrastados por esta situação em que se vive, para um estado de desrespeito pela vida, ausência de valores mínimos de civilidade e desrespeito por qualquer noção de ordem, que por busca de adrenalina, droga e uns trocos, cavalgam estas "ondas de criminalidade" fabricadas, aumentando-as ainda mais.
Bom post!

Abreijos

salvoconduto disse...

A adenda do Samuel remata bem este post.

Bom fim de semana

Fernando Samuel disse...

Excelente desenvolvimento do excelente texto do samuel: parabéns.

Um beijo amigo.

Hilário disse...

Boa Sal!

Esta também é uma boa forma, de aplicarem o reforço de medidas securitárias e antidemocráticas, ameaçando as liberdades de todos nós.

Um abraço

Justine disse...

Claro, certeiro e muito importante, o teu post, Sal.
Um beijo

Jcunha disse...

Não está directamente ligado com isto, mas encontrei um documentário na net sobre... vários temas vá. Está dividido em três partes e infelizmente demora 2 horas e adianto já que os primeiros 15 - 20 minutos não são grande coisa. Mas o que é mais interessante neste documentário , que vale a pena ver, é que põe a limpo alguns tempos que nos vendem como verdades de uma certa maneira, como a história mal contada do 11 de setembro ou as recentes guerras dos EUA. Acho que a Sal iria gostar muito, mas sei que será difícil encontrar tempo para o ver. De qualquer forma aqui fica o link:

http://www.zeitgeistmovie.com

Não sei porque carga de água não ficou azul mas prontos, copia-se e cola-se que dá o mesmo resultado :P.

Grandes e amistosas saudações*