domingo, 6 de julho de 2008

"Um Dia" de Sophia

"Um dia, gastos, voltaremos
A viver livres como os animais
E mesmo tão cansados floriremos
Irmãos vivos do mar e dos pinhais.

O vento levará os mil cansaços
Dos gestos agitados irreais
E há-de voltar aos nosso membros lassos
A leve rapidez dos animais.

Só então poderemos caminhar
Através do mistério que se embala
No verde dos pinhais na voz do mar
E em nós germinará a sua fala."

de Sophia de Mello Breyner Andresen

8 comentários:

samuel disse...

Ao contrário dos outros dias, que se sucedem inexoravelmente, dá tanto trabalho chegar a esse dia...

Sal disse...

...Mas é caminhando que se faz o caminho.
Havemos de lá chegar!

Beijinhos

salvoconduto disse...

Caminhemos, mas façamo-lo juntos!

Justine disse...

Tanto ritmo, tanta beleza, tanta esperança - ou certeza?

Sal disse...

Certeza não.
Prefiro "Confiança"
beijinhos a tutti

linhadovouga disse...

Estaremos juntos, nesse dia.

Sal disse...

Assim espero, LVouga.
Beijinhos muitos

Fernando Samuel disse...

Chegaremos e esse será o nosso dia...